Publicado por: Eliania Silva | quinta-feira dezembro 17, 2009

Boas práticas de mercado – Magazine Luiza

Magazine Luiza - Gente Feliz
Segundo a Organização Mundial de Saúde, as pessoas com deficiência geralmente precisam de um atendimento especializado, que exige alguns cuidados mais específicos na ordem comportamental, social, física e emocional.
A rede de lojas Magazine Luiza, 3ª maior varejista do Brasil, tem como uma de suas prioridades a valorização dos seus colaboradores. A empresa oferece aos seus 10 mil funcionários um amplo pacote de benefícios, que inclui descontos em universidade, convênios médicos e uma ajuda financeira para cuidar da educação dos filhos. No Magazine Luiza, as mães de crianças com até 10 anos recebem, mensalmente, um cheque no valor de R$ 200,00.
O grupo também inova na área de recursos humanos. Em 2007, a empresa lançou um benefício voltado à educação de crianças de funcionários com algum tipo de deficiência.O Cheque Educação Especial foi desenvolvido para proporcionar uma educação mais qualificada, sem limite de idade, uma vez que as pessoas com deficiência necessitam de cuidados especiais por toda a vida. É um ganho que além de auxiliar as famílias, contribui para a inclusão social destes filhos.
Independente do cargo ou função, qualquer colaborador, com no mínimo seis meses de empresa, pode solicitar o Cheque Educação Especial de R$ 250,00. “Para nós, é muito gratificante desenvolver mais um projeto que cuida das pessoas e considera suas diferenças”, explica a coordenadora do Núcleo Social do Recursos Humanos, Karen Bertolucci Vieceli.
O programa já tem 17 filhos cadastrados. O operador de empilhadeira de um dos centros de distribuição da empresa, Wilson Roberto Soares da Silva, tem um filho de 10 anos que tem dislexia, ou seja, dificuldade na aprendizagem. Ele está na 5ª série e faz tratamento médico com fonoaudiólogo, psicólogo e neurologista, com remédios controlados. “Além dessa dificuldade, meu filho é muito acelerado, ele não pára, esse novo benefício vai me ajudar com os tratamentos e gastos que são muitos e caros”, diz Silva.
fonte: Revista Carreira & Negócios, numero 15, Out/09
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: